A natureza desprestigiada

Algumas pessoas que frequentam meu canal já devem ter percebido que tenho publicado alguns vídeos de aves. Não publico vídeos de animais maiores por falta de sorte. Gostaria de mostrar o lobo-guará, o teiú, a cascavel e a onça-pintada, mas o que tenho à disposição para mostrar nos poucos momentos de folga são as belas aves que habitam o cerrado.

Cada documentário interessante sobre animais que vemos, geralmente nas TVs por assinatura, demanda longos períodos dedicados à captar a vida de alguma espécie, notadamente o mesmo grupo de animais. Por exemplo: os melhores documentários de leões africanos, durante a fase de filmagens, costumam acompanhar a vida do mesmo grupo de felinos por longos períodos. Não tenho esse tempo ou recursos para dedicar a nenhum animal, mas costumo sentar-me à sombra de alguma árvore por uma manhã inteira tentando colecionar imagens de aves. É um passatempo muito interessante para relaxar da vida na cidade grande.

Se captar imagens de um passarinho já não é tarefa fácil, imagine como é difícil fazer o mesmo com outros animais. É necessário dedicação e meses ou anos de trabalho. Quanto mais dedico meu tempo a esta atividade, mais admiro os profissionais que produzem os grandes documentários da NatGeo, Discovery Channel, e tantos outros!

No vídeo abaixo, dei sorte e consegui, além de captar os passarinhos entrando e saindo do ninho, uma imagem rápida do joão-de-pau (Phacellodomus rufifrons) catando um graveto para levar para sua casa! Dentre todos os vídeos que publico, os de aves são, de longe, os menos prestigiados. Por outro lado, alguns desses vídeos são os mais trabalhosos.

Quanto mais dedico meu tempo livre para viver junto à natureza, mais admiro as espécies mais frágeis.

1 comentário para “A natureza desprestigiada

  1. Diego Chermaut Emmerich
    19 de outubro de 2014 at 18:35

    Hoje mesmo uma bela ave pousou na arvore no quintal, só enquanto eu corri pra buscar a câmera ela já tinha alçado voo. Vídeos de animais são realmente complexos e exigem principalmente paciência. Por isso o resultado sempre é muito gratificante. Uma pena a natureza não ser prestigiada. Parabéns Gasparello pelo canal e pelas dicas e informações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

WP-SpamFree by Pole Position Marketing