Itens Essenciais e Vestuário Mateiro

Chamo de itens essenciais aqueles que deveriam fazer parte de seu equipamento usual, mesmo que não seja dentro do kit de sobrevivência.

Em primeiro lugar, gostaria de tecer alguns comentários sobre o vestuário mateiro. Existem muitas atividades diferentes realizadas no meio do mato. Por vezes é melhor utilizar como calçado, um par de tênis, mas para atividades realmente mateiras, o melhor é um par de coturnos ou calçados fortes o suficiente para protegê-lo de picadas de cobras e outros animais peçonhentos, principalmente nos calcanhares. Uma opção boa e barata são os calçados de EPI.

Se for caminhar no mato alto (desaconselhável), o uso de uma perneira de couro também é muito interessante.

Nunca devemos deixar de realizar alguma atividade que gostamos por falta de dinheiro, mas se puder, compre uma boa calça tática de tecido rip-stop, de preferência, cheia de bolsos, o que te dará uma certa versatilidade para carregar vários equipamentos. Existem vários tecidos rip-stop, incluindo calças 100% algodão. Apesar de rip-stop, os tecidos 100% algodão demoram muito para secar. Eu prefiro utilizar tecidos que misturam poliéster ou poliamida com algodão. O poliéster torna a calça quente, porém muito resistente e de secagem rápida. Tanto o poliéster quando a poliamida (nylon) possuem propriedades semelhantes, sendo a poliamida a que possui contato mais agradável com a pele, porém, o poliéster tem preços mais acessíveis e será o que mais você encontrará em roupas com tecido rip-stop. Calças jeans comuns não irão protegê-lo adequadamente do contato com espinhos e galhos, e as calças táticas, de tecido rip-stop, podem até rasgar ou furar, mas não têm a tendência de continuar rasgando como os tecidos comuns.

Camisetas com tecido dry-fit, geralmente fabricadas em poliéster ou poliamida, ou utilizando alguma porcentagem destes materiais costumam drenar bem o suor, secando rapidamente. O problema destas camisetas no meio do mato são os espinhos, que podem danificar rapidamente este tipo de tecido. Dependendo da atividade, como abrir picadas, prefiro uma camiseta de algodão velha justamente para não estragar a camiseta com os espinhos, do contrário, quando vou ficar em local aberto, procuro utilizar uma camiseta fabricada em tecido dry-fit. Apesar de não ser muito fácil de encontrar, também existem camisetas elaboradas com tecido rip-stop.

O ideal mesmo para andar por entre galhos e espinhos é a utilização de uma gandola. A escolha do tecido pode seguir a mesma lógica das calças táticas. Eu não sou muito fã das gandolas, mas gosto de utilizar coletes cheios de bolsos, nem tanto para proteção contra a vegetação, mas para ter versatilidade para carregar meus equipamentos mateiros, equipamento de filmagem, etc.

No caso de climas frios, leve sempre uma jaqueta que possa aquecê-lo no caso de ter que passar mais tempo no local do que o planejado. Existem boas jaquetas que cortam o vento, aquecem, são impermeáveis e fáceis de carregar. Lembre-se que perdemos muito calor pelas extremidades, então, dependendo do clima, é muito interessante ter consigo um gorro, luvas e meias secas e quentes.

Agora, voltemos ao kit essencial. Chamo de kit essencial o conjunto de apetrechos, além do vestuário adequado, que devem SEMPRE fazer parte de sua lista de equipamentos. São eles:

  • Cantil (obviamente cheio d’água);
  • Bússola (se não souber como utilizá-la, aprenda);
  • Facão, canivete ou faca (ou um conjunto).

Ninguém deveria entrar no mato sem o mínimo de água. No caso de uma situação desagradável que você venha a ficar mais tempo no mato do que o planejado, você estará com com alguma hidratação assegurada, por isso, no mínimo, o uso de um cantil é primordial.

Se você não sabe como utilizar uma bússola, aprenda! Perder-se no mato é a coisa mais fácil do mundo, tenha certeza disso! Se você não tiver um curso de água para seguir, uma trilha utilizada por pessoas ou animais, uma estrada rural, não entre no mato sem uma bússola, que é o meio mais seguro para indicar o caminho com poucos desvios. O uso de uma bússola poderá evitar que você enfrente uma situação de sobrevivência real.

Eu gosto muito do facão. Fora do país, usa-se muito o machado, mas para o nosso tipo de vegetação, geralmente fechada e com muitos espinhos, o facão oferece o tipo de lâminha mais útil.

Essas são minhas sugestões para vestuário e itens mateiros que nunca devem ser deixados em casa.

No vídeo abaixo falo sobre itens essenciais e os meus kits usuais:

12 comentários para “Itens Essenciais e Vestuário Mateiro

  1. Dirceu
    22 de abril de 2013 at 14:35

    É melhor ter e nao precisar, do que precisar e não ter.

  2. Wagner
    22 de abril de 2013 at 17:06

    excelente contribuição Gasparello. há tempos q não encontro o Hidrosteril nos supermercados daki da cidade, e tb pelo pouco tempo de validade dele… vinha optando pelo hipoclorito de sódio comum ou solução de iodo, até q encontrei Clorin com um bom preço. tb não dispenso o uso de um chapéu e da cia da bussola. muito completo este vídeo. valeu.

  3. Tales
    22 de abril de 2013 at 23:46

    Gasparello disponibilize o rewien do canivete cimo de garantia permanente, acho que é esse do seu kit.

    Grato.

  4. Dirceu Paes
    23 de abril de 2013 at 02:08

    Tales este e outros videos ja estao disponiveis no canal do Gasparello no youtube.
    http://www.youtube.com/user/blogtocandira/videos?view=0
    Abraço

  5. Marcos Talina
    2 de junho de 2013 at 03:34

    Valeu pelo vídeo, gostei muito.

  6. Gafanhoto
    28 de setembro de 2013 at 22:46

    Excelente vídeo!
    Gostaria de saber onde encontro uma pochete igual a essa…
    Tenho 2 que não estão me atendendo, uma é muito grande e a outra é bem
    desconfortável.
    Acho que essa sua é o tamanho ideal.
    Abraço

  7. Joao Batista
    9 de abril de 2014 at 02:46

    Adoro ler ou assistir seus videos, eu levo tudo isso ai e mais um pouco, bussola eu não levo pois levo um GPS que tem tudo, e logicamente pilhas de reserva.

  8. 3 de abril de 2015 at 23:40

    Amigo, onde encontro para comprar uma bússola desta do vídeo, obrigado.

    Att,

    Alex

  9. 4 de abril de 2015 at 00:00

    Olá, este chapéu do vídeo, onde encontro parceiro, para comprar?

  10. Cesar
    29 de novembro de 2015 at 01:19

    Gasparello, boa noite! Faltou falar do seu chapéu. Gde. abraço, Cesar

  11. Sergio
    22 de março de 2016 at 15:05

    Gostei muito desse chapeu. Onde posso encontrar?

  12. Henrique
    8 de janeiro de 2017 at 17:57

    Olá,
    Qual a marca desse facão do vídeo?
    Estou pensando em comprar da marca Bianchi, conhece?

    Parabéns pelo blog!

    Obrigado

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

WP-SpamFree by Pole Position Marketing