Contagem de passos

A contagem de passos serve como referência para saber a distância percorrida. O passo humano é a melhor unidade de medida que podemos ter em uma situação de navegação mateira. É mais interessante marcar as centenas para caminhadas mais longas, e as dezenas para trechos mais curtos. As distâncias medidas por passos são aproximadas, mas com a experiência você poderá conseguir resultados muito interessantes. Para determinar a medida de cada passo seu, efetue dez passos, messa a distância total e faça a média. Meu passo lento, em ritmo de passeio e atenção no meio do mato, é de aproximadamente 70cm. É importante salientar que a distância dos passos pode alterar nas subidas e descidas, devido às condições do vento, vestuário e equipamentos que carrega, cansaço, tipo de solo, etc.

Você pode contar seus passos individualmente, a cada toque das pernas esquerda e direita no chão, ou também poderá contar somente a cada toque da perna mais forte. A diferença, obviamente, será na hora de fazer a conta. Se você optar com contar, por exemplo, 100 passos individuais, tanto da perna esquerda quanto da direita, você deverá multiplicar 100 pela distância média de cada passo seu, mas se desejar contar apenas o toque da perna mais forte, você terá que levar em consideração que a cada contagem você terá a distância de dois passos.

Agora você irá entender a importância da contagem de passos. Imagine que você está navegando dentro de uma floresta fechada, marcando os azimutes com uma bússola e marcando as árvores como pontos de referência. A cada deslocamento você também está contando os passos. Para retornar, muito provavelmente você poderá contar com seus pontos de referência. Mas se você não os enxergar? E se os pontos forem removidos ou danificados? A melhor maneira será utilizar os azimutes anotados e, a cada trecho de deslocamento, você deverá contar os passos registrados em sua caderneta para que não se desloque além do necessário, conseguindo, assim, encontrar seu próximo ponto de referência ou retornando para o local de origem com uma margem de erro menor.

Abaixo segue um vídeo ilustrando o tema:

Leia também: