Comparativo entre a Serra Guepardo Lumber e a Serra Dobrável Tramontina

Sou muito fã da Serra Lumber, da Guepardo. Desde que recebi a serra para testes nunca mais a tirei da minha mochila mateira! Mas, logo depois que publiquei o meu vídeo com a saga da construção de uma jangada, muita gente sugeriu que eu usasse uma serra dobrável. Até ganhei uma de presente do meu amigo Eduardo Manzano, de Brasília.

Eu sofri bastante para fazer a jangada, mas não porque a serra era ruim, mas porque o bambu era muito parrudo e extremamente duro. Eu sofreria igualmente se usasse a serra dobrável ou até mesmo com um serrote. Por falar em serrote, certa vez eu queria cortar um pedaço muito duro de lenha para praticar algumas atividades mateiras, e por não ter nenhuma serra à disposição usei um serrote! Algumas semanas depois, recebi a Serra Lumber para testes e fui até o mesmo local, para serrar a mesma madeira que havia sofrido tanto quando usei um serrote comum. Com a Serra Lumber pareceu brincadeira de criança, realmente muito fácil.

É arriscado elogiar tanto uma ferramenta porque algumas pessoas podem vir a ter experiências ruins com defeitos de fabricação. Eu, até agora, usei muito a Serra Lumber e estou pra lá de satisfeito. Inclusive, já aposentei a machadinha, de tão prática e leve que achei a serra da Guepardo.

Existem serras similares em sites chineses, mas devido à demora e riscos de taxação pela Receita Federal, prefiro sempre os produtos nacionais. Ainda não me arrisquei com os sites chineses. Prefiro pagar um pouco mais, porém, tenho o produto à mão e não sofro com a demora. Já recebi uma boa proposta de parceira com um site de vendas chinês, mas para não colocar a minha imagem em risco, preferi não aceitar a oferta que me fizeram.

Já a Serra Dobrável da Tramontina é bem popular nos vídeos mateiros no YouTube. Com um item destes em mãos resolvi fazer a comparação. O resultado é que, para quase tudo, a Serra Lumber se mostrou mais eficiente, salvo para materiais mais frágeis, aonde a serra da Tramontina leva vantagem. Não tenho certeza, mas acredito que este seja um equipamento para jardinagem, então não esperava nada muito diferente. A Lumber serra mais rápido e exige bem menos força. Por sofrer com uma hérnia de disco, a posição para serrar não é muito confortável pra mim, mesmo assim, ainda prefiro a serra da Guepardo do que as serras dobráveis.

Gostaria de enfatizar que as duas são muito úteis e podem ser uma ótima opção. Mas é fato que eu prefiro a Lumber. Espero que a minha não me deixe na mão e que resista por muito tempo ainda!

Acompanhe o vídeo para comparar o desempenho das duas ferramentas!

Leia também:

6 comentários para “Comparativo entre a Serra Guepardo Lumber e a Serra Dobrável Tramontina

  1. 29 de dezembro de 2014 at 13:43

    Assiste muitos videos gostei de todos parabéns não sou uma pessoa que faz trilha mas pra mim conhecer modo de sobrevivência e muito importante nos como pessoas temos que conhecer um pouco de tudo e teve a sorte de encontrar o tocandira muito bom.

  2. Éderson Kuhn Martins
    16 de junho de 2015 at 00:02

    Olá Gasparello, show de bola suas demonstrações, preciso adquirir uma serra, e ja tomei a decisão, pois, também uso em casa pra podar umas árvores de vez em quando. valeu.

  3. João Augusto
    1 de agosto de 2015 at 21:25

    Gasparello, você acha que é viável prolongar as hastes da serra da guepardo? assim não ficaria curvado… ou acha que isso prejudicaria a ferramenta?

  4. joaquim
    3 de agosto de 2015 at 15:50

    Eu tenho serra dessa da tramontina, faz tempo que comprei, é muito boa para madeira fina e verde, mas o cabo dela é muito frágil, e quebrou no primeiro esforço que fiz.

  5. Antonio Carlos Perezzani
    17 de fevereiro de 2016 at 16:46

    Amigo Gasparello, é possível afiar os dentes dessas serras?

    • José Luciano Gasparello Filho
      24 de fevereiro de 2016 at 09:33

      Deve ser, mas nunca parei para pensar em como fazer.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

WP-SpamFree by Pole Position Marketing