Barraca Náutika Falcon – Teste com chuva e vento

Acompanhe o review da Naútika Falcon! As barracas de camping da Náutika, modelo Falcon, de tamanhos variados, têm preços extremamente acessíveis. Por serem barracas muito utilizadas, resolvi colocar um modelo à prova. Eu havia comprado um exemplar da Falcon 3, mas estava aguardando condições climáticas mais desfavoráveis para testá-la.
Mal tive tempo de filmar a barraca em detalhes quando as aves se agitaram e o vendaval chegou com tudo, poucos momentos depois a chuva também chegou forte. Já de início, os ventos mais fortes do que de costume judiaram da barraca. Por possuir varetas de fibra de vidro muito finas, a barraca entortou em muitos momentos, mas a presença de várias estacas de aço e de dois cordeletes foram suficientes para manter a barraca no chão. Repare na foto abaixo como uma barraca de varetas frágeis se comporta perante ventos fortes.

A barraca Falcon sendo castigada por fortes ventos e temporal.

A chuva durou três horas, e mesmo com os ventos realmente fortes, que chegaram a chacoalhar meu carro, de onde fiquei filmando e fotografando, nenhuma estaca de soltou e nenhum dano foi percebido no equipamento.

Após a chuva acalmar, fui verificar o interior, que permaneceu seco! Confesso que fiquei surpreso.

Com uma coluna d’água de apenas 800mm, a barraca se mostrou um equipamento suficiente para chuvas fortes, o que não quer dizer que resista a chuvas prolongadas de muitos dias, apesar de que este é um modelo bem popular, existindo vários relatos apontando sua ótima proteção contra água em acampamentos chuvosos.

Sempre prego que você deve comprar o melhor equipamento possível, para não ter que comprar duas vezes. Mas se a grana anda curta e você pretende usar a barraca em finais de semana, de preferência em locais protegidos do vento, pode ser uma boa opção!

Com o vento dando um descanso, a barraca continuou suportando a chuva.

Especificações, segundo o importador:

Sobreteto: Poliéster 190T com 800mm de coluna d’água, costura selada termo-soldada e proteção UV
Piso: Polietileno de alta densidade e anti-fungo
Interior: Poliéster 190T respirável e tela mosquiteiro No-see-um®
Estrutura: Varetas de fibra de vidro composto de Flex-Max, interligadas por elástico

O peso e as dimensões variam de acordo com o modelo: Falcon 2, Falcon 3 ou Falcon 4.

Veja a análise completa da barraca no vídeo abaixo:

Leia também:

 

6 comentários para “Barraca Náutika Falcon – Teste com chuva e vento

  1. Vinícius Garcia
    15 de abril de 2013 at 16:09

    Muito bom, Gasparello. Mais uma vez estás de parabéns!

  2. Sérgio
    15 de abril de 2013 at 16:22

    Gostaria de deixar um comentário sobre a barraca 2 pessoas “OutBack”,cujo estão sendo comercializadas aqui no DF por vários Hipermercados a preços entre R$45,00 à R$64,00.Elas não tem uma boa cobertura para chuva apenas um retângulo de aproximadamente 40×20 no teto sobre uma tela mosqueteira de mesma medida.No último dia 28/03/13 à 31/03/13 fui a uma pescaria com uma dessas.Ao me deparar com uma chuva forte para que a mesma não inundasse por dentro,coloquei uma lona por cima da barraca resultando em um quase óbito na madrugada.consequentemente pelo fato da barraca não ter uma boa circulação de ar.Chequei a uma conclusão:A mesma deveria ser utilizada somente em caso de emergência.digo,na falta de uma melhor,para você não ficar debaixo de um abrigo improvisado,ela “quebra um galho”.fico a disposição deixando minha dica.grato e parabenizando sempre o autor do portal TOCANDIRA pelas suas iniciativas,abraços do amigo

    Sérgio Ramos

  3. Batata
    15 de abril de 2013 at 18:17

    Rapaz, 3 dias e duas noites de chuva torrencial,o campo roçado a pouco virou um charco e agua descia até. 2 pessoas + equipamentos. A Falcon torcia pra um lado, retorcia doutro e o único desconforto era ficar sentado,pq deitado tanto faz. Vi várias pessoas tendo de colocar lonas plásticas em cima de suas barracas caras e a Falcon lá, sequinha. Muito boa esta barraquinha.

  4. Maguim
    15 de abril de 2013 at 22:40

    Vlw pelo post. Já tive uma barraca desta que infelizmente não resistiu a chuva de vento no Pico da Bandeira e deixou entrar água molhando meu amigo, eu estava na minha Cota 2 que nunca me decepcionou. Na minha opinião a Falcon deveria ter mais cordões esticadores, em todos os lados, e sobre aonde estão as varetas também, assim ela resistiria melhor ao vento já que suas varetas são mais finas pra reduzir o peso. Usar uma lona por cima ajuda em chuvas muito fortes mas tem que saber colocar pra não sufocar como o Sérgio disse nos comentários.

    • José Luciano Gasparello Filho
      16 de abril de 2013 at 09:14

      Certamente não é barraca para o Pico da Bandeira.

      Abraço

  5. Marcelo
    17 de setembro de 2013 at 17:58

    Gasparello.
    Ontem acampei em cima da serra de são pedro e itirapina – sp , com uma barraca panda 2 da nautika derrepente o tempo virou para chuva e vento forte a barraca entrou agua dentro pelo sobreteto que é daquele tecido fino de mosquiteiro. Como sempre vou de moto não posso levar barracas muito pesadas. Esse modelo falcon é melhor para mim no caso de imprevistos climáticos ….

Comments are closed.